Recuo da ANS é uma vitória para usuários de planos de saúde

Escrito Por:no 6 de agosto de 2018

A Agência Reguladora de Planos de Saúde do Brasil suspendeu as novas regras de cobrança de coparticipação e franquia nos planos de saúde, anunciadas em junho, e que causaram apreensão e uma receptividade negativa da sociedade.
A resolução normativa 433 da Agência Nacional de Saúde Suplementar permitia que as operadoras de saúde cobrassem aos clientes pagamento extra de até 40 por cento por procedimentos como exames, cirurgias e internações.
Com a decisão da ANS, continuam valendo as regras atuais, sem cobrança de coparticipação (pagamento extra por procedimento) e franquia.
Para o ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, a ANS recuou para não ficar mal com a justiça, já que as novas regras de cobrança de coparticipação e franquia nos planos de saúde estavam suspensas provisoriamente desde o dia 16 de julho por decisão da ministra Carmem Lúcia, presidenta do Supremo Tribunal Federal (STF), atendendo pedido da OAB, que alegou reajuste “abusivo”.


Current track
Title
Artist

Background